Em Novembro a Bandeira tarifária definida pela Aneel é Vermelha e pra quem funciona em horário de ponta é ainda mais assustador!

Em Novembro de 2019 a Bandeira tarifária definida pela Aneel é Vermelha e pra quem funciona em horário de ponta é ainda mais assustador!

Devido ao regime de chuvas estar abaixo da média histórica para o mês de Novembro, a agência não pode levar em consideração somente ser um período que normalmente chove nas principais bacias hidrográficas do país, portanto elevou o patamar da bandeira tarifária.

“O regime de chuvas regulares nessas regiões tem se revelado significativamente abaixo do padrão histórico. A previsão hidrológica para o mês também aponta vazões afluentes aos principais reservatórios abaixo da média, o que repercute diretamente na capacidade de produção das hidrelétricas, elevando os custos relacionados ao risco hidrológico (GSF)”, explicou a Aneel.

As hidrelétricas não suportarem a geração de energia necessária para atender a demanda, sendo assim é necessária acionar as usinas termelétricas, o que aumenta o custo de produção de energia, afetando as tarifas.

O funcionamento das bandeiras tarifárias é simples: as cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2) indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração, ja que o tipo de geração pode variar durar o ano.

Desde Maio que todas as bandeiras tarifárias estão mais caras

No dia 21 de maio, agência aprovou um reajuste no valor das bandeiras tarifárias. Com os novos valores, caso haja o acionamento. O acréscimo cobrado na conta pelo acionamento da bandeira amarela passou de R$ 1 para R$ 1,50 a cada 100 kWh consumidos. Já a bandeira vermelha patamar 1 passou de R$ 3 para R$ 4 a cada 100 kWh. E no patamar 2 da bandeira passou de R$ 5 para R$ 6 por 100 kWh consumidos. A bandeira verde não tem cobrança extra. Sendo assim, o custo de energia passa a incomodar mais aqueles que funcionam em horário de ponta, período do dia que a tarifa fica ainda mais cara.

Os recursos pagos pelos consumidores vão para uma conta específica e depois são repassados às distribuidoras de energia, uma vez que terá de compensar o custo extra da produção de energia em períodos de seca.

Horário de ponta na Bandeira Vermelha é quase um filme de terrror!

Bandeira Vermelha é um indicador de urgência de compra de Geradores de Energia principalmente se a empresa funciona em horário de ponta. Porque o custo de energia da concessionária local neste período do dia não vale a pena.

Não espere a próxima conta te assustar corre ja daí!

Você sabia que tem como transformar as travessuras tarifárias em doces cobertos de redução de custos?

O custo do combustível para abastecer um gerador de energia é mais barato que o preço da energia no horário de ponta, sendo assim vale muito a pena ter um gerador. Até o custo de aquisição é compensado pela a economia gerada, portanto não espere o monstro acordar.

A MS Geradores é especialista no assunto e já ajudou muitas empresas a reduzirem expressivamente seus custos de energia.

Levando tecnologia de ponta acompanhada de um atendimento técnico altamente qualificado para te oferecer uma solução personalizada, conquistaremos a sua confiança!

Fale agora com um consultor e garanta a saída deste pesadelo!